5 sobremesas que amamos loucamente

0
573

Na morfologia da língua portuguesa, sobremesa significa sobre+mesa, sendo que o “sobre”, nesse caso, tem sentido de “após”. Ou seja, a sobremesa é aquilo que se consome depois da mesa. Mas tem gente – tipo a gente – que poderia consumir sobremesa antes da mesa, debaixo da mesa, sem mesa, no quarto, na sala ou numa casinha de sapê… E tem gente – tipo a Stampa Food – também que entende tanto de sobremesa, que conta histórias sobre o surgimento e ainda dá as melhores dicas de onde encontrar espécies evoluídas das sobremesas mais amadas pelos brasileiros. Com vocês, 5 sobremesas que amamos loucamente

1- Torta alemã do Velho Madalosso

A culinária alemã é mundialmente conhecida por suas tortas e doces. Além de saborosas, as tortas germânicas são muito caprichadas, muitas vezes parecem verdadeiras obras de arte. Uma das tortas que amamos aqui no Brasil é a torta alemã. Mas, breaking news! Por essa poucos esperavam: a torta alemã não tem origem europeia. Muito pelo contrário, essa sobremesa que reúne chocolate, creme e biscoito Maisena nasceu aqui mesmo, do lado de cá do oceano Atlântico. E reza a lenda que foi uma alemã que concebeu a torta em um momento de nostalgia de sua terra natal. 

Preço: R$12,50 (fatia) 

Endereço: Avenida Manoel Ribas, 5852 | http://www.velhomadalosso.com.br/ 

 

2 – Petit gateau de doce de leite do Madero

O Petit Gateau, em pouco tempo, se tornou uma febre nacional. E ele nem é tão antigo assim, foi criado na década de 1990. A grande dúvida é: onde e quem o inventou? Apesar de algumas teorias afirmam que o pequeno bolo nasceu na França, há quem diga que foi criado por acaso pelo chef francês radicado em Nova York, Jean-Georges Vongetrichten, ao errar na quantidade de farinha. Uma outra versão aponta que o bolinho com casca crocante, recheio cremoso, servido com sorvete, foi criado nos Estados Unidos, quando um aprendiz de chef aqueceu demais o forno. Assim mesmo os clientes adoraram e a receita foi se popularizando. A sobremesa de origem desastrosa chegou ao Brasil em torno de 1996. Para nós esse erro, de farinha ou temperatura, foi um dos grandes acertos da culinária contemporânea. Mas acerto MESMO foi a versão com doce de leite criada pelo chef Junior Durski. 

Preço: R$ 29

Endereço: Rua Bispo. Dom José, 2377 e mais 14 endereços em Curitiba. | https://www.restaurantemadero.com.br/pt/restaurante/pr/curitiba 

Baba, baby! Petit gateau de doce de leite. Foto: divulgação

3 – Pizza de Brigadeiro da Pizza Hut

Quem disse que doce não combina com pizza? Uma das nossas preferidas é a de brigadeiro – aliás, já falamos da origem dele aqui. Já a massa de pizza em forma de disco – e assada em forno – é uma criação bem mais antiga. Dizem que surgiu há cerca de 6 mil anos e era conhecida como pão de Abrahão ou “piscea”, por hebreus e egípcios. Os italianos de Nápoles, no século 18, acrescentaram molho de tomate e queijo. E nós, brasileiros criativos que somos, tivemos a brilhante ideia de adicionar brigadeiro, criando mais uma história de amor no melhor estilo Romeu e Julieta.

Preço: R$ 48,90 (grande)

Endereço: Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 600, Park Shopping Barigui e mais 6 endereços em Curitiba. | https://www.pizzahut.com.br/ 

Pizza de brigadeiroooo! Foto: divulgação

4 – Pudim de Leite Condensado da Panificadora Panetelli

Também não faltam teorias para explicar a origem do pudim. Estamos falando do nosso pudim, o de leite condensado. Porque pudim também é o nome de uma das receitas mais clássicas da culinária da Grã-Bretanha: o Yorkshire pudding, uma espécie de bolinho salgado. Mas o nosso, aquele que tem calda dourada de açúcar queimado, é uma variação da receita inventada por um abade português. A mistura original levava açúcar, gemas e toucinho. O leite condensado entrou na história depois, pra deixar o doce mais gostoso e mais fácil de fazer! 

Preço: R$ 44,50 (inteiro)

Endereço: Rua Antônio Escorsin, 1324 | http://panetelli.com.br/  

5 -Brigadeiro da Lancaster Confeitaria 

O doce das festinhas de aniversário – amado, idolatrado, salve, salve –  foi preparado pela primeira vez no Rio de Janeiro, para as festas que arrecadavam dinheiro para a candidatura do Brigadeiro Eduardo Gomes à presidência da república, em 1946. Ele perdeu nas urnas para Eurico Gaspar Dutra, mas ganhou a doce homenagem. Pelo menos essa eleição não acabou em pizza, acabou em brigadeiro (não deu pra evitar a piada). 

Preço: R$ 4,60

Endereço: Praça Zacarias, 68 | http://www.confeitarialancaster.com.br/ 

 

Conheça a Stampa Food

A Stampa Food é especializada em distribuição de food service – produtos para supermercados e transformadores, como são chamados os estabelecimentos que preparam e fornecem refeições prontas. A empresa distribui chocolates, recheios e iogurtes da marca Nestlé Professional, além de batatas Lamb Weston, ovos pasteurizados, águas, sucos, produtos Cargill, como extrato de tomate Elefante e maionese Liza, produtos Hamburger Futuro, Nestlé Sorvetes e mais de 800 outros produtos.

Mas a Stampa Food oferece muito mais aos seus clientes. A distribuidora criou um centro gastronômico para a criação de receitas e desenvolvimento de produtos, uma forma de qualificar a equipe de vendas da empresa. “Também usamos o centro gastronômico para dar cursos e treinamentos aos clientes com os produtos que vendemos, sempre levando soluções para eles. Quando um cliente precisa de uma receita específica ou de um treinamento, a Stampa Food proporciona isso”, conta Rodrigo Saueressig, sócio-diretor. Desde então, a lista de clientes não para de crescer. Já são 4.200 clientes em 65 cidades paranaenses. Entre os clientes, só aqui em Curitiba, estão o Karina, o Au-Au, o Madalosso, a Churrascaria Arco Íris, o Mustang Sally e o Coco Bambu.

 

Esta publicação é uma parceria com a Stampa Food.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Enviar comentário
Seu nome