ENTRAR Bem-vindo! Faça login para ter
uma experiência completa.

Sopa para refrescar

12 de maio de 2016

(0)
Tiago Vidal ensina a fazer Vichyssoise, sopa fria de batata com alho poró

Você aí, que reclamou tanto do inverno nas redes sociais, como anda a vida com a cueca colada na virilha ou todo esse pó facial derretendo na sua testa como manteiga na frigideira? Pois é, o calor não é só praia e corpos à mostra, mas também uma eterna briga na firma por conta do ar-condicionado. Enquanto uns só querem se refrescar, outros ficam cheios de frescura. Para atender a ambos os mundos, vamos cozinhar um prato bem fresco, a começar pelo nome. A vichyssoise é uma sopa fria de batata com alho-poró, perfeita para ser degustada bem gelada. Apesar do nome afetadinho, é ótima para quem mora sozinho, pois fica melhor com o tempo em que é guardada na geladeira. Por isso, amiguinho do coque-samurai, não se acanhe em passar na feirinha de orgânicos e comprar estes ingredientes simples, lembrando sempre de levar sua ecobag de fibra de cipó reciclável para poupar o meio ambiente das temidas sacolinhas. Claro, sem esquecer daquele design esperto de frutas e legumes desenhados pelo Romero Britto. Não esquente, fique frio, abra suas asas e solte suas feras: com este calor a frescura está mais que liberada.

Ingredientes

  • 1 batata
  • 1 alho-poró
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • 400 ml de caldo de galinha (1 cubo dissolvido na água fervendo)
  • 1 ovo
  • 2 colheres de sopa de nata
  • cebolinha
  • sal e noz-moscada

_MG_7442

Modo de preparo

Lave bem as mãozinhas, tome um banho de álcool gel e embrulhe-se em filme plástico para manter tudo sem germes na cozinha. Descasque e pique a batata, cuidando para não fazer nenhum corte nesse dedinho macio que nunca viu um rejunte. Corte a parte branca do alho-poró, fatie transversalmente e lave bem – a não ser que você curta comer terra, essa parte é realmente necessária. Fatie o cebolão bem fino. Derreta a manteiga e cozinhe o alho-poró por uns 10 minutos, ou até ficar tão macio quanto seu cabelo lavado com Aussie. Junte as batatas, o caldo fervendo e cozinhe por mais ou menos meia hora, ou até estar quase seco. Passe tudo em um liquidificador junto com a nata, o sal e a noz-moscada. Ponha na geladeira e deixe esfriar. Quando estiver mais fresco que a sua barba de R$ 50,00, sirva com meio ovo cozido e cebolinha picada.

Tiago Vidal Dutra pratica a gangsta cuisine, a cozinha das ruas, feita com o que tem em casa e sem muita frescura, e acredita que ir além do Miojo® é possível para todo mundo. Após suas tentativas de chef, publica as receitas no blog aziaavemaria.wordpress.com

Artigo de: Tiago Vidal

COMPARTILHE ESTA MATÉRIA
AVALIAÇÕES
(0)
  • Excelente
    0
  • Muito bom
    0
  • Normal
    0
  • Ruim
    0
  • Horrível
    0
DÊ SUA NOTA: