ENTRAR Bem-vindo! Faça login para ter
uma experiência completa.

Inverno também combina com cerveja

7 de julho de 2017

(2)
Diogo Adams conta quais são as cervejas para beber nessa estação

Muitas pessoas acreditam que o inverno é a estação de trocar a cerveja por outras bebidas que ajudem a esquentar o corpo. Mas o que não sabem é que existem vários tipos de cervejas que vão bem no frio, por serem mais encorpadas e intensas. Escolhi três estilos mais clássicos e tradicionais, todos belgas.

Cervejas de inverno

A escola cervejeira Belga normalmente contém uma graduação alcoólica maior e possui uma complexidade de sabores e aromas. Com isso, essas cervejas podem ajudar a esquentar.

Temos três estilos clássicos de cervejas Belgas que harmonizam perfeitamente com o frio: Dubbel, Tripel e Dark Strong Ale. E para usar de exemplo, mantendo essa linha tradicional de estilos, indico a cervejaria trapista Chimay.

A primeira delas é a Chimay Rouge, com coloração avermelhada, aromas frutados e sabor levemente adocicado que lembra caramelo. Essa cerveja é uma delícia, principalmente em clima ameno, por possuir uma porcentagem alcoólica um pouco mais elevada.  Dica de harmonização: uma boa sobremesa a base de chocolate.

As cervejas do estilo Tripel são as mais claras das três opções escolhidas hoje. Elas proporcionam uma sensação um pouco mais refrescante, se comparadas a uma Dubbel ou uma Dark Strong Ale. Possuem coloração dourada e uma espuma persistente, que ajuda a liberar o seu aroma de ervas junto a especiarias. Na boca, segue a mesma pegada, com um leve amargor. Uma dica de harmonização: tainha assada na folha de bananeira.

A última das escolhidas é a Chimay Blue Grand Reserve, uma Belgian Dark Strong Ale, com graduação alcoólica de 9% e uma boa complexidade no sabor e aroma, remetendo a chocolate amargo, leve torrefação, frutas secas e especiarias. Essa época do ano é perfeita para provar uma dessas. Dica de harmonização: risoto com queijo gorgonzola.

Você também tem uma sugestão de cerveja para tomar no inverno? Manda pra gente!

rodape_diogo

Iniciou a paixão por cervejas especiais em 2008, em Dublin – Irlanda. De lá pra cá se passaram muitos litros para ganhar experiência. É sócio-gerente de duas lojas especializadas da rede Mestre-Cervejeiro.com. Sommelier de cervejas, gosta de boa música e um bom dia de surf!

Leia mais:

“Estou procurando um presente. Tem cerveja de mulher?”
Cerveja não é só modismo

Artigo de: Diogo Adams

COMPARTILHE ESTA MATÉRIA
AVALIAÇÕES
(2)
  • Excelente
    2
  • Muito bom
    0
  • Normal
    0
  • Ruim
    0
  • Horrível
    0
DÊ SUA NOTA: