ENTRAR Bem-vindo! Faça login para ter
uma experiência completa.

Degustação de vinhos em casa

19 de outubro de 2016

(6)
Curso para quem quer conhecer a bebida e sua história, sem objetivo profissional

Tem coisa melhor do que reunir os amigos em casa para conversar e experimentar vinhos? Com essa ideia em mente, a jornalista e sommelière Melissa Crocetti resolveu criar o curso Do Vinho Pro Mundo, em Curitiba. A proposta é promover uma degustação de vinhos diferente: parte-se da experimentação para a geografia e as características do local onde o vinho produzido. Da prática para a teoria.

Questões fundamentais da história e da cultura do vinho são abordadas em aulas independentes: não há módulos, nem sequência fixa. São os vinhos que guiam os encontros. E o melhor: ela, a Melissa, e os vinhos vão até a sua casa. Basta ter um número mínimo de cinco pessoas. “O universo dos vinhos é muito amplo e eu queria montar aulas que partissem do vinho que experimentamos para a explicação teórica”, diz. “Tem uma introdução sobre como é feita a bebida e a sua história, mas não queria falar da França inteira e só apresentar um vinho de Bordeaux, por exemplo, sendo que a produção francesa é muito diversificada e rende dezenas de aulas”.

Como é a degustação de vinhos em casa

Por exemplo, se os vinhos são Primitivo de Manduria, Melissa fala sobre o sul da Itália; se são de Pinot Noir, fala-se da Borgonha, na França, ou então de Casablanca, no Chile; se é Filipa Pato, vamos falar da Bairrada, em Portugal. E assim por diante. Os rótulos degustados serão do Novo Mundo e do Velho Mundo e há a preocupação de que os alunos possam facilmente encontrá-los, com bons preços. “Acredito que o mais interessante do vinho é isso: surpreender-se com suas histórias, lendas e métodos. É um universo incrível, um caminho sem volta; quem começa a estudar e degustar, se apaixona”, finaliza.

Os encontros fluem de uma maneira mais solta e as pessoas se sentem livres daqueles pré-conceitos de que o vinho é algo inacessível ou elitizado. Vinho é para todos os que gostam de vinho e ponto.

As aulas são informais e o público-alvo são apreciadores que buscam conhecer mais sobre a bebida e sua história, para aumentar o prazer da experiência, sem intenção de se profissionalizar. Também pessoas que gostam de um bom bate-papo entre uma taça e outra. “Festa boa é aquela na qual você chega e já te entregam uma taça; nas aulas sigo essa mesma regra, assim os encontros fluem de uma maneira mais solta e as pessoas se sentem livres daqueles pré-conceitos de que o vinho é algo inacessível ou elitizado. Vinho é para todos os que gostam de vinho e ponto”.

Cada aula tem, em média, 2h30 de duração e pode também ser ministradas na casa da professora mediante agendamento.
Inscrições: melissa.crocetti@gmail.com

Quem é a professora?

Melissa Crocetti é formada pela escola Ciclo das Vinhas, da sommelière Alexandra Corvo, em São Paulo, e também pela Associação Brasileira de Sommeliers – SP. Trabalhou como redatora para a revista da importadora Expand, no departamento comercial da importadora En Primeur e na importadora Empório Sorio (vinhos da Córsega), em São Paulo. É responsável pela produção de conteúdo da importadora Porto a Porto, em Curitiba.

Leia também:

5 mitos e verdades sobre os vinhos
Enólogo, enófilo, sommelier ou enochato?

COMPARTILHE ESTA MATÉRIA
AVALIAÇÕES
(6)
  • Excelente
    6
  • Muito bom
    0
  • Normal
    0
  • Ruim
    0
  • Horrível
    0
DÊ SUA NOTA: