ENTRAR Bem-vindo! Faça login para ter
uma experiência completa.

Selo Tutano da semana vai para o Do Peruano

24 de maio de 2018

(16)
Você nunca mais vai querer comer outro cebiche quando experimentar o do Do Peruano

O Do Peruano é um lugar que te chacoalha. É como se um Big Bang acontecesse e um universo de sensações tomasse conta da sua boca. Da entrada à sobremesa, a casa é especializada em surpreender e a experiência se torna ainda melhor quando você conhece o responsável pela cozinha do restaurante.

O chef Fernando Matsushita é peruano, casado com a brasileira e confeiteira Ilza Zaga, e juntos passaram grande bastante tempo no Japão. Embora tenha andado bastante pelo mundo, foi em Curitiba que pode construir o Do Peruano. De início, ele vendia marmitas na Rua XV, em shoppings, na Osório e em feiras. Passava de loja em loja oferecendo as embalagens, todas com repartições para não misturar a comida, com a culinária peruana, por R$ 5.

“Uns faziam cara feia, nem me deixavam entrar. Outros viraram clientes em que entregava comida todos os dias”, contou o Fernando. O negócio deu tão certo que ele e a Ilza aposentaram as marmitas e passaram a fazer comida contemporânea num café, no Tarumã. Um tempo depois o café já não era grande o bastante para comportar toda a clientela e o talento do casal. Foi aí que nasceu o Do Peruano, na casinha amarela, no Cristo Rei.

As entradas são tão diferentes e deliciosas que poderiam se tornar o nosso prato principal, como o Mix de Causitas (umas massinhas de batata temperadas com limão e recheadas com cremes peruanos, por R$ 12). Mas o que não poderia faltar num restaurante peruano é o cebiche (o clássico sai por R$ 31,90), assim mesmo, escrito com B. Mas seja com B ou V, o fato é que você não pode sair do Do Peruano sem experimentar pelo menos uma das variações do prato mais famoso do Peru!

Grande parte das receitas do restaurante são da avó do Fernando, três gerações de cozinheiros que estão em cada um dos pratos, que foram adaptados. Segundo o Fernando, ele ajustou alguns pratos e temperos ao paladar brasileiro. Nos pratos executivos, (servidos de terça a sexta-feira, variam de R$ 18,90 a R$ 29,90) ele manteve aspectos nacionais do almoço, como o arroz e feijão, mas acrescentou alguns temperos peruanos (secretos). No cebiche, ele diminuiu a quantidade de pimenta, mas se você preferir, é só pedir que ele altera o prato para o grau 2. Depende da sua coragem.

O cardápio da casa também conta com massas, como o talharim saltado chifa (R$ 42), feito com molho oriental e acompanhado de três opções de proteína, mignon, carne suína defumada ou cogumelo. O menu também tem peixes e frutos do mar (que variam de  R$32 a R$ 59) e as receitas com arroz, que também têm versões vegetarianas.

Hoje, nós damos o Selo Tutano Gastronomia para o Do Peruano e reforçamos o nosso pedido: vá até lá! É impossível se arrepender ou não se encantar.

Do Peruano

Av.Mal. Humberto de Alencar e Castello Branco 675 , Cristo Rei
(41) 3045-6711
Terça a quarta-feira, 11h30 às 14h30
Quinta-feira a sábado, 11h30 às 14h30 e 18h às 22h
Domingo, 11h30 às 15h

Patrocinadores:

Bodebrown
Stampa Food

Leia mais:

Osteria Capitolina ganha o 1º Selo Tutano 2018
Box do Eliseu é o indicado de hoje da Tutano
Mercearia do Português leva o Selo Tutano da semana

Sel et Sucre é o novo indicado do Selo Tutano

COMPARTILHE ESTA MATÉRIA
AVALIAÇÕES
(16)
  • Excelente
    11
  • Muito bom
    1
  • Normal
    1
  • Ruim
    1
  • Horrível
    2
DÊ SUA NOTA:
COMENTÁRIOS
  • Não, não voltaria a experimentar esse cebiche ruim com cheiro de partes intimas humanas. Fui nesse restaurante e foi pura decepção. Atendimento péssimo. Muito sujo, a comida tinha cabelo. O banheiro parecia de boteco.

    Não recomendo ninguém por uma questão de saúde. Pode pegar infecção.

  • Monstro animal!